O que é o treino funcional ?

850 400 Tiago Santos
  • 0

O treino funcional é um tipo de atividade física específica que assenta em pilares como o fortalecimento do core, ou seja zona abdominal e lombar, responsável pela estabilização da nossa postura.

Nos dias que correm é um treino cada vez mais na “moda” e de certeza que conhece alguém que praticou ou lhe disse que era muito bom. Este é um tipo de treino que tem como base os movimentos naturais do ser humano, tal como o seu nome sugere, funcional, de acordo com a nossa função. Portanto correr, saltar, agachar, empurrar, correr são tudo movimentos naturais do ser humano que podem fazer parte do treino funcional. Com este treino o individuo desenvolve a força o equilíbrio, a flexibilidade, entre outras capacidades físicas.

Ligeiramente diferente da musculação, aqui o praticante sai fora dos movimentos mecânicos e eixos e movimento definidos ou isolados, sendo também menos monótono.

Este método de treino é bastante popular pela sua capacidade de prevenção de lesões, melhorias cardiovasculares, enquanto em simultâneo é bastante eficaz na redução da massa gorda corporal e definição muscular.
São utlizados diversos tipos de acessórios como elásticos, bolas, cordas, kettlebells, conseguindo uma variabilidade extensa.

Como o objetivo do treino funcional é o trabalho dos músculos de forma global o perigo de sobrecarregar uma zona corporal mais específica é menor, diminuindo também a probabilidade de desenvolver algum tipo de lesão.

Contudo, tal como em qualquer outra atividade física é importante ser acompanhado por um profissional da área com credibilidade que respeite o limite do seu corpo e que adapte o treino a si.

Se o seu objectivo é melhorar a sua qualidade de vida, este deve ser um tipo de treino a ter em conta.
Em suma deixamos-lhe alguns dos benefícios deste tipo de treino que lhe permitem alguns resultados estéticos e práticos no dia a dia:

– Programa de treino adaptável às suas necessidades e do seu dia a dia
– Melhoria da performance e das capacidades motoras
– Melhorias dos níveis cardiovasculares e outros indicadores de saúde.
– Garante uma grande capacidade de motivação pela diversidade de exercícios e materiais disponíveis para a prática.
– Melhoria da postura geral e durante os exercícios
– Aumento da estabilidade da zona média, desenvolvendo uma coluna mais saudável.
– Boa capacidade de prevenção de lesões e de reabilitação
– Melhoria do equilíbrio estático e dinâmico

AUTHOR

Tiago Santos

All stories by: Tiago Santos