Inteligência Emocional no local de trabalho

Entendem melhor, adaptam-se melhor a situações de mudança e incerteza, são mais empáticos, têm uma vida mais saudável… Pessoas com inteligência emocional desenvolvida têm muitas vantagens na vida pessoal e no local de trabalho.

Momentos de tensão, stress e hostilidade ocorrem continuamente no trabalho. Por isso, promover a inteligência emocional nas empresas é uma boa forma de melhorar o ambiente dos colaboradores.

Este conceito começou a popularizar-se e a ganhar importância em 1995 com Daniel Goleman. Para ele, inteligência emocional é “a capacidade de reconhecer os nossos próprios sentimentos e os dos outros, de nos motivarmos e de gerirmos as relações de forma adequada”.

Além disso, a inteligência emocional também é uma meta-habilidade que condiciona a medida em que podemos utilizar outras habilidades, inclusive a inteligência.

Durante a pandemia de covid-19, o tema da saúde mental surgiu em quase todos os âmbitos por todo o mundo. A crise de saúde provocada por covid-19 não só causou danos em muitas pessoas fisicamente, como também fez com que as muitas restrições e novas formas de trabalho influenciassem fortemente os problemas de saúde mental.

Continua lendo

Compartilhe

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Linkedin
Compartilhe no Whatsapp

VEJA TAMBÉM

A depressão pós épocas festividades, também conhecida como transtorno afetivo sazonal, é real. O que para muitos pode ter sido a melhor época do…